Home
Empresa Tecnologia Serviços Pragas Clientes Contato

Serviços – Caixas D'Água

Limpeza e Desinfecção com Hipoclorito de Sódio das caixas d'água superiores e inferiores.

Procedimentos para limpeza das caixas e cisternas:

Fechamento dos registros em 24 horas antes da operação para que se evite o desperdício da água;

Esgotamento da água restante através de bombas sapos de 2 hp e retirada do lodo e detritos que se acumulam no fundo do reservatório;

Escovação interna e hidrojatearnento das celulas, a escovação é feita através de escovões com fios de nylon de 15cm de cerdas arredondadas para não afetar a impermeabilização do reservatório e drenagem total do limo e do lodo;

Vistoria geral das bóias, registros, válvulas, ladrão;

Química empregada: Hipoclorito de Sódio, em concentração de 10 a 12% para que se obtenha dosagem do Nac10, conforme orientação dos órgãos e institutos de análises para a destruição dos germes patogênicos células bacterianas (inclusive o vibrião colérico). As especificações técnicas da execução dos serviços seguem as normas e instruções dos órgãos competentes para conservação da água potável e do meio ambiente (CETESB), que recomenda a limpeza e desinfecção no mínimo a cada 06 meses.

A água potavel é um recurso escasso, que deve ser usado com responsabilidade. Um vazamento, por menor que seja, pode causar perdas enormes. A verificação periódica de encanamentos e de todas as instalações hidráulicas é uma providência inteligente, que assegura o fornecimento contínuo de água e evita grandes prejuízos.

Há algum tempo o Governo do Estado, está investindo no PURA - Programa de Uso Racional de Água, com excelentes resultados. Mas ainda há muito a ser feito.

Um desafio que está sendo vencido é o de levar informação a todos. Não basta coletar e tratar esgotos e fornecer água de qualidade: é preciso conscientizar a população de que nada adiantará todo esse trabalho, se cada um não fizer a sua parte.

Por exemplo, com a manutenção periódica das instalações hidráulicas, com o uso racional da água. Se todos ajudarem, água com qualidade estará disponível para todos.

Limpeza em Torres e Condomínios

O Governo do Estado, está investindo cada vez mais no tratamento da água consumida pela população de São Paulo. Mas, apesar de todos os esforços, de nada adianta levar água de qualidade para a sua casa se ela é armazenada de forma incorreta. Você acabará usando água inadequada.

A limpeza periódica e correta das caixas d´água permite que cada um possa consumir água com a mesma qualidade com que ela chega à sua casa pelo sistema de distribuição.

Realizar esse serviço, além de detectar possíveis vazamentos, é um trabalho aparentemente simples, mas que exige uma série de cuidados que somente um profissional habilitado e responsável pode executar.

FICHA TÉCNICA HIPOCLORITO DE SÓDIO

O Hipoclorito de Sódio é uma solução aquosa alcalina com 10% de cloro ativo e cerca de 10-13 g/l de soda residual, de coloração amarela e odor característico. É produzido pela reação entre o Cloro gás e uma solução de Hidróxido de Sódio.

Aplicações

O Hipoclorito de Sódio é aplicado no branqueamento de celulose e têxteis, desinfecção de água potável, tratamento de piscinas, desinfecção hospitalar, produção de água sanitária, tratamento de efluentes, tinturaria, produtos de limpeza, lavagem de frutas e legumes, produção de diversos produtos químicos, tais como: oxidantes, branqueadores e desinfetantes.

O Hipoclorito de Sódio é comercializado a granel em carros-tanque e seu transporte obedece ao Decreto Lei 96044/88. Geralmente é estocado, protegido de seu efeito oxidante, em tanques fabricados em concreto, aço carbono revestido com ebonite, PRFV ou termoplásticos e pintados em cores que reduzam a absorção de calor.

Características físico-químicas

O Hipoclorito de Sódio é um agente oxidante e apresenta as seguintes propriedades:

Fórmula molecular
NaClO
Massa molecular
74,45
Cor
Amarelo-esverdeado
Solubilidade em água a 20°C
Completamente solúvel
Ponto de fusão a 760 mm Hg
-25 °C
Ponto de Ebulição a 760 mm Hg
De 100 a 110° para soluções a 10% Cl2
Fotossensibilidade
Decompõe-se em presença de luz
Resistência à temperatura
Acima de 20°C decompõe-se liberando oxigênio
Reação com substâncias ácidas
Violenta, liberando gás Cloro
Reação com substâncias orgânicas/ metais
Decompõe-se
Inflamabilidade
Não inflamável
Densidade
1,160 a 1,250 g/cm³
Cloro Ativo (Cl2)
10 a 13%
Hidróxido de sódio livre (NaOH)
8 a 25 g/l
Ferro (Fe Total)
0 a 5 ppm
Mercúrio (Hg)
0 a 300 ppb

voltar | home | top


Contato

A questão do extermínio puro e simples de insetos e roedores tem criado um novo problema. Isso porque, o uso indiscriminado de inseticidas tem provocado contaminações de solo, água e alimentos.

Nesse sentido, a Clean Tec Saneamento e Controle de Pragas estuda os melhores saneantes e os mais adequados métodos de aplicação.

A estratégia de saneamento, cercada de tantos cuidados, está aliada ao controle qualitativo, marca de todos os serviços prestados por nossa empresa, e resulta em soluções tão ou mais eficazes que as aplicações maciças de saneantes.

Parceiros
   

empresa | tecnologia | serviços | pragas | clientes | contato


Clean Tec - Clean Tec Saneamento e Controle de Pragas - Rio Claro-SP
19 3534.0451 | 0800 7725870 - cleantec@cleantec.com.br

Desenvolvido por M42